6 meses do meu pequeno

IMG_7408

 

Os 6 meses chegaram e com ele ainda mais responsabilidades. Eu estava muito curiosa para ver o Yuri experimentando novos sabores sem ser só o leitinho da mamãe, mas preciso confessar uma coisa: dar o mamá é muito mais prático! rsrs

Antes era só ele pedir (livre demanda é o que há!) e pronto, saciava sua fome. Agora nada disso. Tem a papinha de frutas, a papinha salgada, a água, o suquinho de laranja lima, ufa! Parece simples mas não é! Tem que montar o cardápio semanal, fazer compras com ainda mais atenção a qualidade das frutas e verduras e, é claro, fazer o Yuri comer! kkkk

Ele detestou de cara. Sim, fez cara feia pra tudo! Foi muito engraçada a primeira vez que ele sentiu o gostinho da fruta (era maçã). A carinha de nojo foi espetacular! E da papa salgada então? Batatinha com cenoura foi a primeira e ele também não gostou.

Precisamos de mais uma semana para fazer a adaptação. A vovó Cristina foi fundamental nesse processo e com muito amor fez o netinho querer mais e mais papinha! Aliás, com ela ele come super bem. Já comigo….me agarra puxando a camisa querendo mamá. Espertinho esse menino!

IMG_7360

Aí o bichinho todo lambuzado! rs! Pois bem, quando achamos que tudo estava resolvido, Yuri pega uma gripe e lá se vai todo trabalho embora. Ele ficou bem encatarrado, nariz congestionado, tossindo muito e nada de comer. Voltou para LM exclusivo novamente e foi isso que alimentou e nutriu muito bem meu pequeno por uma semana. Depois de melhorar, mais uma nova semana de adaptação e finalmente tudo voltou a correr bem!

: : Os achados

Fazer papinha caseira dá trabalho. labar bem, cortar os legumes, cozinhar, amassar, etc etc. Tudo isso demora mais ou menos uns 40 min. Então, como trabalho o dia todo precisava de algo que me desse alguma praticidade. Pesquisei muito e decidi comprar a Beabá Babycook Pro! Gente, fantástica!

babycook-solo-estilo-azul-pastel

Em 15 minutos, legumes e frutas estão cozidos no vapor. Depois é só jogar no triturador da própria máquina, escolher o ponto da textura e pronto! A papinha fica maravilhosa! Nada de papinha industrializada por aqui. Quando preciso sair, faço e levo na bolsinha térmica. Uma maravilha, super indico.

07903673611041201zoom

E a cadeirinha é a Chicco Mode. Preferimos comprar essa que aqueles cadeirões pela praticidade e porque ela ocupa pouquíssimo espaço já que fica acoplada em uma cadeira normal da mesa de jantar. Pode ser transportada facilmente para todos os lugares e o bebê fica bem acomodadinho.

: : As conquistas

Nesse mês foram muitas novidades. Algumas delas:

- Mamãe começou a trabalhar e Yuri se adaptou muito bem a ficar com os avós de manhã e a tarde!
- Já fica sentado sozinho. As vezes tomba para um lado, para o outro, mas fica na posição.
- Adora brincar no berço!
- A gargalhada deu lugar para uma risada no estilo ha -ha-ha!
- Estou mordendo muito a mamãe para demonstrar que fico com muita saudade!.
- A gengiva está muito inchada, tanto os caninos quanto os de baixo podem surgir a qualquer momento. Por isso, Yuri está babando muito e coçando muito a boca com as mãozinhas.
- Está com 8kg e 66cm :)

A volta ao trabalho – carta para meu pequeno

Yuri

Foram quase seis meses me dedicando exclusivamente a você, meu filho. 24 horas por dia olhando nos seus olhos, tentando desmistificar seus chorinhos, cuidando da hora da sua mamada, atendendo todos os seus pedidos, fazendo mil palhaçadas para arrancar seus sorrisos, me divertindo com suas gargalhadas, cantando na hora de trocar a fralda, cantando na hora de te dar banho, ninando você em meus braços, vigiando tuas sonecas. Enfim, quase meio ano sendo única e exclusivamente sua mãe. A Aline ficou mesmo em segundo plano porque tudo que importava era você, meu amor.

E o temido dia chegou. Dia esse que me tiraria de perto de você pelo menos oito horas por dia. Tempo de voltar ao trabalho.

Dormi muito mal, me remexi a noite toda imaginando como seria ficar longe de você. Acordei pior ainda e foi só chegar no seu berço logo cedinho, receber o seu sorriso, para meus  olhos se debulharem em lágrimas. Vovó e vovô chegaram pra ajudar a mamãe a se preparar, mas olha meu doce, meu pensamento era só em você.

Você foi me levar até o carro. Te dei um beijinho e você me abraçou muito forte. Fez que ia chorar mas logo seus avós trataram de te distrair. Te dei um tchauzinho breve, com os olhos marejados, e parti para o retorno ao trabalho ao lado do seu pai que fez questão de me levar.

Recebi mensagens o dia todinho, principalmente dizendo que finalmente você está virando um comilão de primeira! Elogiando que você comeu toda a papinha do almoço, tomou o suquinho, bateu um pratão de maçã e mamou o leitinho da mamãe super bem. Por aqui, meu amor, você não estava perto mas o meu corpo deu sinais de que era hora do seu papá e a mamãe correu para tirar o leite. Fui para o banheiro e enquanto o leitinho saía eu só pensava no quanto gostaria de estar com você. E chorei…QUANTA SAUDADE.

Enxuguei as lágrimas, retoquei a maquiagem para que ninguém percebesse, e voltei ao trabalho.  Realizava as atividades, mas dava rapidinho algumas pausas só para olhar uma fotinho sua ou saber notícias da vovó e do papai.

Logo chegou a hora de ir embora. Seu pai veio me pegar e eu só pensava no momento que chegaria em casa e daria aquele agarro em você. Chegamos. Desci correndo do carro ao seu encontro. Você estava no berço brincando com a vovó e logo abriu um mega sorriso quando me viu. Foi tão fofo, meu filho! Foi só pegar você no colo que começou a gargalhar e me morder todinha. Mordia meu ombro, meu queixo, minha bochecha, meu Deus quanta saudade!

Soube que você tinha batido um pratão mas mesmo assim não resisti e te dei mamá, o aconcheguinho que você tanto gosta. Depois brincamos muito, te dei banho, mamá novamente, e você pegou no sono. Eu fiquei um tempão com você no colo, só te contemplando, e chorando feliz agradecendo a Deus por ter você na minha vida.

Não queria te colocar no berço, mas era preciso. Tentei te colocar por 6 vezes. E você chorou todas essas vezes no simples movimento de te tirar dos meus braços. Amor, isso era saudade! Depois ficou quietinho, deitou de bruços e apagou a noite todinha. Mamãe ficou ligada na babá eletrônica torcendo para você dar uma acordadinha e eu te pegar novamente, mas você mimiu lindamente, como se dissesse pra mim que era hora da mamãe descansar.

Agora, meu amor, todos os dias serão assim. Ainda estou me adaptando, você também, mas vamos sobreviver! rs. Te amo muito e cada dia mais meu amor.

Beijos da mamãe

5 meses

foto

 

Yuri completou hoje 5 meses de vida e estou escrevendo esse post rapidinho porque logo mais tem bolo aqui em casa! Na verdade tem um mês que não dou as caras por aqui porque meu pequeno exigiu atenção integral. Cada vez mais esperto, exigiu ainda mais atenção nas mamadas, nas brincadeiras e até mesmo na hora da soneca! rs

O coração já começa a apertar imaginando que em duas semanas volto ao trabalho e não vou poder me dedicar integralmente ao meu filho. Dói…muito. Daqueles apertos que você fica sem ar. Mas, assim é a vida não é mesmo? E também vai ser importante para ele ficar mais independente. O bom é que ele vai ficar com meus pais e isso me tranquiliza um pouco mais sabendo que ele terá todo amor e atenção desse mundo! :)

Algumas conquistas desse mês:

- Já vira e desvira com maestria!
- Agora ele escolheu a melhor posição para dormir: de bruços! E quando quer acordar, vira e solta logo um “maaaaaaaaa” esperando minha chegada no quarto.
- Está mamando cada vez mais forte e mais rápido. Porém adora dormir no peito. Dizem que isso não é legal acostumar, mas eu deixo! kkkkk
- Agora não só tenta falar como aprendeu a gritar. E é uma gritaria só!
- Os risinhos se transformaram em gargalhadas deliciosas!.
- Adora ver mamãe e papai comendo. Muito curioso fica doido pra pegar a comida ( Já já ele começa a introdução alimentar e acho que vai ser bom de garfo).
- Está com 7,7 kg e 64cm :)

Tem muito mais que pretendo contar em breve!

Beijos

Aline

4 meses :)

O tempo passa, o tempo voa! Yuri fez 4 meses dia 18 e parece que foi ontem que ganhei esse presente mas fofo e lindo!

foto (7)

Esse mês foi repleto de conquistas e a mais importante delas foi que na véspera de seu “mesversário”, o Yuri virou e desvirou. Olha, cada vez mais estou convencida de que o desenvolvimento da criança tem muito a ver com o estímulo que ela recebe.

Meu método aqui em casa é não tratar o Yuri como bebezinho o tempo todo sabe? Converso muito com ele, explico o que estou fazendo seja uma simples troca de fraldas ou qualquer outra coisa, mostro para ele as coisas, as cores e tento sempre estabelecer um diálogo, completando com um “ah é filho? conta mais! Você dormiu bem? O mamá estava bom?”! rs. Coisa de maluco? Pode até ser, mas que funciona, ahhhh funciona.

O resultado de todo esse esforço é que o Yuri a cada dia emite um novo som e é muito, muito concentrado. Presta atenção em absolutamente tudo e prefere mil vezes conversar do que um brinquedinho. É só deitar ele na minha cama que ele abre logo um sorrisinho e já começa a tagarelar e a gritar. Sim, esse menino dá cada grito que a gente morre de rir!

foto (9)

 

foto (6)

O fato dele virar assim tão rápido também e fruto dos exercícios diários de deixar ele de bruços sempre colocando um brinquedo para tentar alcançar. Quando a gente menos esperava já estava ele rolando no berço e agora está cada vez mais fácil. O mais engraçado é que ele parece comemorar cada tentativa bem sucedida. Um amor!

foto (8)

E pra completar tudo isso, esse pequeno gordinho já passou dos 7kg e está muito, muito saudável em aleitamento materno exclusivo!

Que venham os 5 meses!

Beijos

Aline

Para espantar o calor!

Esse janeiro tá demais, viu? Que calor é esse minha gente! A primeira dica que eu dou para quem está em Brasília e não está suportando tanta “quentura”, é fechar os olhos e imaginar que estivesse no Rio de Janeiro com sensação térmica de 50 graus! E aí? Até ficou fresquinho, né? kkkkk ! Meus famíliares só falam disso nas redes sociais. O trem tá brabo mesmo esse ano.

Meu Yuri é calorento que só. Se quando tá geladinho ele dorme que é uma beleza, quando tá quente o bichinho fica bem irritado, só quer colo (acho que o carrinho acaba esquentando mais) e fica só de camiseta e fraldinha mesmo, o look do verão! rs

yupato

Para amenizar e divertir nosso pequeno, estamos dando banho no patinho dele. Fiz esse post porque publiquei essa foto no instagram e muita gente que tá montando enxoval me perguntou da onde é essa banheira fofa que eu SUPER recomendo!

A minha comprei na Amazon e mandei entregar no hotel de uma amiga que estava em Vegas (Beca linda, obrigada por trazer pra mim!) e é a Munchkin Inflatable Sabety Tub. Custou aproximadamente $14 e vale muito a pena. Primeiro porque encaixa perfeitamente na banheira dando uma maior segurança na hora de apoiá-la cheia.

pato1

Outra coisa bacana é que a banheira vem com um patinho super fofo que serve para ver se a temperatura da água está ok para o baby. Bacana né? O Yuri é enlouquecido pela banheira e as fotos dos banhos sempre ficam super divertidas.

pato2

E vocês? Como tem espantado o calor dos pequenos por aí?

Beijos

Aline

 

Chegou 2014!

2013 foi sem dúvida o ano mais importante da minha vida. Fui abençoada com uma gravidez ótima – apenas com pouquinhas complicações – um parto tranquilo e um filho maravilhoso, lindo demais, cheio de saúde e muito, muito amado! E acho que isso é maior do que qualquer decepção profissional ou outras coisinhas que aconteceram durante o ano que passou, né?

blog

No dia da virada me toquei de uma coisa curiosa: há pelo menos 10 anos que eu não passo o ano novo com meus pais e em casa. Natal sempre ficamos juntos mas réveillon era na balada! Me tocar disso deu até um aperto no coração e ainda mais agora que sou mãe e tenho essa vontade louca de estar com meu filho em todos os segundos, todo tempo. Como ser mãe muda tudo né? Meu deus!

Montamos uma ceia simples mas muito gostosa feita pela minha mãe e regada a muito bolinho de bacalhau. Estava morrrendo de medo do Yuri estressar com os fogos, mas por incrível que pareça o bichinho dormiu de 23h a 3h40. Claro que quando estouravam os fogos ele dava aquelas mexidonas, mas não acordou

anonovo  Yuri com a roupinha de ano novo dada pela vovó Aurora e eu com meu vestido usado no réveillon de 2009/2010, acreditam?? Quilinhos extras da gravidez foram embora! Yes! :)

Aproveitamos então para botar a conversa em dia, rir muito, dançar e então brindar a chegada deste novo ano que será para mim de grande mudança. Na verdade, creio que será um ano de plantio já que estou decidida a dar novos passos e na verdade retomar uma trajetória que me faz tão feliz. Ainda não dá para contar, mas logo logo vem novidade, prometo.

Que este novo ano seja ainda mais incrível para todos.

Beijos

Aline

 

 

As primeiras saídas!

Dizem que o primeiro filho é sempre de cristal. E não é que é a pura verdade? A gente fica com medo de tudo, até mesmo de botar o pé fora de casa. Tanto é que nesses três primeiros meses o Yuri só saiu para consultas ao pediatra, passeio no condomínio, voltinha no parque e almoço em local aberto.

E o mais engraçado é que mesmo saindo tão pouco, ele ama a rua! Primeiro que é só entrar no carro que em 3, 2, 1 está dormindo. E ele se comporta maravilhosamente bem fora de casa, dormindo com barulho no último volume numa boa.

y1

Pois bem, passaram os três meses, vacinas tomadas, é hora de sair né mamãe? Sim, mas não é fácil. Programei uma ida ao shopping com minha mãe mas confesso que até sonhei com ele pegando resfriado, doença, tossindo. Neurótica eu? Imagina! rs

Mas ontem enfim o meu pequeno conheceu o parque de diversões da mamãe: o shopping! kkkk! Quem me conhece sabe que eu amo e não só para comprar. Sou enlouquecida pelas produções das vitrines, pelos looks da galera e também para quem ama moda é a oportunidade de ver as news. E olha, ele amou!

O escolhido foi o Iguatemi Brasília, shopping que eu amo e acho super bem estruturado para os pequenos. Fora que é amplo e dependendo do horário o fuxo de pessoas é ok. Então saí de casa por volta de 13h (primeira vez dirigindo sozinha com meu pequeno! Yes!), peguei minha mãe e fomos. Aproveitei para arrumar o Yuri com body de golinha jeans que é só fofura (comprei em Orlando na H&M e estava louca para usar nele).

y3

Apesar de um pouquinho mais cheio do que pensei (mesmo depois do Natal a galera continua comprandooooo!), o passeio foi uma delícia e Yuri provou mesmo que herdou, além do físico, algumas características da personalidade do pai: não gosta de ver a mamãe comprando roupa. Bastava eu dar uma parada no carrinho, tirar um cabide do lugar, para ele dar uma bela resmungada! kkkkkkk

Mas se comportou muito bem! O tempo todo conversando e rindo muito. E foi só tirar ele do carrinho que ficou até difícil segurar esse menino. Ele ficou maravilhado com tantas cores, pessoas e com a mega árvore de Natal! Foi lindo de ver meu pequeno e suas novas descobertas. O passeio foi tão bom que ele até tirou uma sonequinha para a mamãe poder se deliciar com a torta mil folhas da Amor aos Pedaços! :)

y7

Dois pit stops foram necessários: um para dar de mamar e foi super tranquilo. O outro para trocar o baby e me surpreendi bastante com essa área do shopping. Tem um espaço super completo, com fraldas disponíveis, lencinhos umidecidos, salinhas privadas e coletivas para trocar o bebê. Tudo fofo, muito bem decorado e confortável! Yuri amou.

y2

E que venham muitas saídas, muitas descobertas e muita saúde para aproveitar tudo que essa vida tem para oferecer! :)

Beijos

Aline

Então é Natal!

Esse é um dos dias mais especiais da minha vida, afinal o primeiro Natal do meu filho não é uma data qualquer né?

yuriYuri com o body lindo de viver que ganhou de presente da tia Mari Jardim! Amamos <3

Sempre fui fascinada por essa data, mas confesso que depois que minha avó materna, minha amada vó Delma partiu, tudo perdeu um pouco a graça. Era ela a responsável pelo bolinho de bacalhau mais maravilhoso desse mundo. E ela ainda fazia com surpresa: uma deliciosa azeitona dentro, sabendo que amo. Era a diversão pura do Natal e não tem como hoje não me recordar dela e da vontade que tinha dela estar aqui pra passar esse dia ao lado do bisnetinho dela :( Mas sei que ela está sempre por perto!

Por isso, há alguns anos venho tentando ao lado do marido resgatar a maravilha desse dia que é a união da família. Os últimos natais foram ótimos e minha casa se tornou o local dessa reunião. E esse ano foi ainda melhor pois estou com a casa cheia, família do Rio e Bsb juntas!

familia2Yuri não está na foto porque estava dando um cochilo básico para aproveitar o resto da festa!

Sempre sou a responsável pela decoração e mamis pelos quitutes. Mas esse ano com o Yuri sempre grudadinho comigo como chiclete me permiti apenas observar os preparativos. A árvore foi toda ornamentada pelo marido que caprichou muito decorando também toda a varanda! As delícias estão foram preparadas pela minha mãe e sogra. E o restante dos familiares tentaram acalmar os ânimos do meu sobrinho lindo Enzo que já estava doido para a chegada do Papai Noel.

mesanatal

Yuri sorria o tempo todo e estava aproveitando o friozinho para dormir bastante. Achava que a noite o agito seria garantido e queria mesmo ele acordadinho para ver tudo. Afinal, é dia de celebrar a união e elevar os pensamentos ao alto agradecendo por tudo de bom nesse ano. Aqui em casa sempre damos as mãos e fazemos uma oração onde cada um se expressa conforme seu coração mandar. A religião não importa, mas sim a energia positiva do momento e o carinho que predomina. Afinal pra mim Natal é magia.

yuri2

Magia essa que se concretizou no meu maior presente. Neste mesmo dia há um ano, na oração de Natal, pedimos pela vinda do meu pequeno. Mal sabia eu que em poucos dias ficaria grávida e que neste Natal já estaria com esse príncipe lindo que me surpreende a cada dia.

dois

Yuri se comportou super bem e falou o tempo inteiro enquanto fazíamos a oração. Participou da ceia com seus olhares curiosos, paquerou a árvore, tirou mil fotos, mas não esperou o presente e capotou! rs! Fim de festa para ele e para o primo.

capotados

E que venha o próximo Natal. Que possamos estar repletos de saúde para curtir cada vez mais essa data ao lado do Yu! :)

 

Beijos

Aline

Bolo de liquidificador delícia

O que uma licença maternidade não faz com a pessoa, não é? Olha, admito mesmo que não tenho o menor talento para ser dona de casa. Até faço um quitute ou outro bem bom, mas não sou mega prendada para as tarefas do lar (shame on me!). Mas esse tempinho com meu filho em casa me fez arriscar algumas coisas na cozinha!

Não me perguntem onde encontrei essa receita porque não lembro mesmo, mas fiz um bolo outro dia aqui em casa para uma reunião de trabalho do marido que foi só sucesso. E o melhor: tudo batido no liquidificador. Não é lá uma receita muito light, mas acho que deve dar certo substituir alguns ingredientes para ter uma versão mais sequinha do produto! rs

E o melhor é que dá para fazer de mil sabores! Já fiz de uva (o da foto), de maracujá e de limão. Os dois são ótimos mas o de limão é demais! Aí vai a receita:

foto (5)

Bolo de liquidificador – Limãozinho

- 3 ovos inteiros
- 2 xícaras de açúcar
- 2 xícaras de farinha de trigo
- 1/4 de xícara de leite
- 1 xícara de óleo
- 1 colher de chá de sal
- 1/4 de xícara de suco de limão (pode mudar o sabor!)
- 1 colher de sopa de fermento
- raspas de um limão

* Olha que difícil: bata tudo no liquidificador por alguns minutinhos, unte a forma com margarina e farinha e forno! Eu usei mini forminhas e os bolinhos ficaram lindos (nessas de silicone nem precisa untar). Importante: antes de colocar no forno, pré aqueça por 10 minutinhos a 180 graus.

Gostaram? Depois que fizerem quero um feedback, hein!

Beijos

Aline

3 meses do Yuri :)

foto (4)

 

Como passou rápido! Nem acredito que meu branquinho hoje está fazendo 3 meses de vida e de muito, muito agito! rs Ele é aquela criança que quer mesmo é aproveitar a vida porque dormir que é bom, ixi….!

O Yuri me surpreende a cada dia. Todos os dias mesmo eu noto alguma evolução, algum novo aprendizado. Algumas conquistas dele esse mês:

- Descobriu as mãozinhas e finalmente deixou elas bem mais abertas. As mãozinhas fechadas o tempo todo davam uma super agonia! Agora ele já une uma mão a outra e faz carinho em mim quando mama. Uma fofura que só. Porém com essa descoberta também veio a tal mão na boca. Vira e mexe ele tá com o dedinho lá e as vezes enfia as duas mãos que até engasga! Jesus!

- Também está mais receptivo aos brinquedos. Já bate neles, gira bolinha pra fazer barulho e recentemente começou a pegar os objetos ainda que por pouco tempo.

- Mas olha, o brinquedo dura pouco porque ele gosta mesmo é de falar. E quer conversar mesmo porque se você tenta distrair ele com outra coisa vai ouvir reclamação. Tão pequeno assim e já faz birra esse danado! Ele já passou da fase que só falava “aaaaa” e agora são muitos sons: “abuu”, “aooo”, “aiii”, “maaa”( que eu queria muito que fosse mamãe mas percebi que está associado a mamar! kkkkkk). Muitos gritinhos também.

- Sabe perfeitamente expressar quando está com fome e o mais engraçado é que quando eu coloco ele na posição de mamar, vem um mega sorriso com um “ahã ahã ahã”. Vê se eu posso com isso??

- A cabeça já está mais durinha e quando está no colo ele se mantém mais retinho. De bruços também já vejo uma melhora. Estou investindo nos exercícios diáris.

- Ah, e já perdeu todas as roupinhas RN. Fraldas? Acabou fralda P. Agora, com muitas dobrinhas, as fraldas são M.

Amanhã tem pediatra e eu tô doida para pesar ele e contar aqui como está esse pequeno que exige muito de mim, faz eu ocupar o meu dia todo só com ele, lasca minha coluna porque quer colo toda hora, mas que derrete meu coração com cada sorriso, cada chameguinho, cada novo passo. :)

Beijos

Aline

1 2 3 6